Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



07
Mai09

Os Reis das Festas

por Paulo

Já se perguntaram o que tem mais relevância numa romaria, seja grande ou pequena? O que movimenta as pessoas serão os santos, os concertos, os carrinhos de choque? Na minha opinião, e após vários anos de aprofundada análise empírica, são duas coisas: o pão com chouriço e as farturas!
Ainda recentemente desloquei-me à Festa das Cruzes, em Barcelos, e após um jantar entre amigos - do qual saímos apenas quando o fogo de artifício nos garantiu que o Mickael Carreira tinha acabado de cantar, ou o que quer que seja que ele faz em cima do palco -, mergulhamos por entre a multidão no núcleo da romaria. E onde é que as pessoas mais se concentravam? À volta do templo? Junto dos carrosséis? Em frente aos feirantes? Triplo não! Concentravam-se, isso sim, junto dos 4 ou 5 “restaurantes” de pão com chouriço. Mesas vazias nem vê-las e as filas estendiam-se pelo meio da multidão. Os fornos carburavam a toda a velocidade e os funcionários suavam a potes para dar vazão à imensidão de pedidos, por onde espraiasse o meu olhar via pessoas com os seus pães ainda a levedar recheados de chouriço e a escorrer molho, com as bocas afligidas pela quentura prontamente socorridas pelas cervejas frescas.
É óbvio que o pão com chouriço é bom, mas não é nada de mais; porém, existe um reflexo pavloviano em todos os portugueses que mal ouvem os foguetes a anunciar uma festa começam a salivar pelo dito pão. E se perguntarmos a alguém que foi à festa o que por lá fez, nunca falha a resposta: “comi pão com chouriço… e farturas”. Pois, as farturas. Se o pão com chouriço só aparece nas grandes festas, já as farturas estão presentes em todas as festividades, procissões, espectáculos de rua, jogos de futebol, lá chegará o dia em que até nos casamentos estarão presentes. E são incontáveis os casos em que as pessoas passam por uma festa apenas e só para comprar farturas. Ao contrário do algodão doce, por exemplo, o gosto pela fartura é algo que perdura desde os tempos da infância e nem mesmo o facto de, já adultos, sabermos que não passa de farinha frita em óleo refrito e misturado com pingas de suor dos “fartureiros”, coberta de montes de açúcar em pó e canela, claramente uma bomba calórica e “colesterólica”, nos impede de sermos tarados por farturas e de nos empanturrarmos com elas, pelo menos uma ou duas vezes por ano (ou tantas quantas as vezes que frequentamos festas).

 

p.s. – Como é óbvio, ali no meio daquela multidão, também eu não resisti ao apelo do pão com chouriço, apesar de acabar de sair de um excelente jantar no Restaurante Galliano, que consistiu num arroz de capão, acompanhado por um excelente Encostas de Estremoz Trincadeira, precedido por várias entradas e seguido de um misto de sobremesas (do qual constava uma rabanada incrível) e digestivos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Imagem de perfil

De JP a 07.05.2009 às 22:57

Muito bem visto! O pão com chouriço e as farturas são a alma de qualquer festa popular.
Festas das Cruzes, para mim, é sinónimo de pão com chouriço e o S. Pedro é o meu reencontro com as farturas.
Um dia destes tenho de estudar sobre as origens destas tradições. Estou certo que foi nosso Senhor Jesus Cristo que deve ter estado envolvido no milagre dos pães... com chouriço. As farturas devem vir já do antigo testamento.
Imagem de perfil

De Marco a 08.05.2009 às 10:57

as farturas são aquele tipo de alimentos que até fazem as grávidas terem desejos!
Sem imagem de perfil

De isandes a 12.05.2009 às 10:50

gosto do pão e das farturas, claro. adoreeeiiii a foto, lol!

Comentar post




Arquivo

  1. 2017
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2016
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2015
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2014
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2013
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2012
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2011
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ
  92. 2010
  93. JAN
  94. FEV
  95. MAR
  96. ABR
  97. MAI
  98. JUN
  99. JUL
  100. AGO
  101. SET
  102. OUT
  103. NOV
  104. DEZ
  105. 2009
  106. JAN
  107. FEV
  108. MAR
  109. ABR
  110. MAI
  111. JUN
  112. JUL
  113. AGO
  114. SET
  115. OUT
  116. NOV
  117. DEZ
  118. 2008
  119. JAN
  120. FEV
  121. MAR
  122. ABR
  123. MAI
  124. JUN
  125. JUL
  126. AGO
  127. SET
  128. OUT
  129. NOV
  130. DEZ